Informações Sobre o Grande Número de Novos Casos Reportados no dia 6 de Maio de 2020 e Correções de Dados feitas pelo Ministério da Saúde.

No dia 6 de maio, o Ministério da Saúde confirmou 10.503 novos casos. Trata-se de um recorde absoluto, muito acima do recorde anterior de 7218 casos reportados do dia 30 de abril. O estado de São Paulo puxa substancialmente esse número, com 3.800 casos confirmados, quase o dobro do maior número para o estado até então. É comum a subnotificação de alguns dias serem corrigidas em datas futuras, especialmente em fins de semana e feriados, quando geralmente o número de casos e mortes são menores.

Nossos modelos vêm prevendo um pico para o dia 6 de maio desde 29 de abril. Nos dias 29 e 30 de abril e 1 de maio, as previsões de novos casos para o dia 6 de maio eram respectivamente 10.152, 11.425 e 10.845. Os valores são muito próximos ao observado, de 10.503. Entretanto, a série de novos casos apresentou uma queda muito acentuada entre os dias 1 e 3 de maio, puxando as previsões subsequentes para baixo. Embora o modelo estimado no dia 5 de maio ainda previa o pico no dia 6, o valor esperado para novos casos passou a ser de 8.370.

Por fim, vale ressaltar que o Ministério da Saúde ajustou os dados de novos casos confirmados de 4.075 para 6.633 no dia 4 de maio. A publicação do ajuste foi após a estimação do modelo do dia 4, acarretando uma subestimação do número de casos no dia 6, a saber, uma previsão de 7.995 contra os 10.503 casos observados. Esse tipo de problema é comum para previsões em tempo real.